País de imigrantes

O Brasil foi feito por imigrantes. Numa época em que a mobilidade era muito mais lenta, muitas pessoas escolheram o Brasil como seu novo país de residência. Somente entre 1884 e 1959, por volta de 5 milhões de europeus e asiáticos entraram no país para construir suas famílias e um novo país.

Nesse período, o destaque fica para os italianos. Mais de 1 milhão e meio de italianos chegaram em terras brasileiras, para ficarem, principalmente, no estado de São Paulo. Italianos vieram para cá para trabalhar em zonas cafeicultoras e, com o tempo, agregaram à população local, ajudando a moldar o sotaque da capital paulista e região.

Japoneses também foram muito importantes para a história de São Paulo. Concentrados no bairro da Liberdade, entre 1924 e 1933, mais de 110 mil japoneses chegaram ao país e maioria ficou pelo estado paulista.

Na região sul, durante o século XIX e metade do século XX, frequentemente alemães chegaram para morar entre o Paraná e o Rio Grande do Sul. Foram mais de 250 mil imigrantes que se concentraram em cidades como Blumenau e São Pedro de Alcântara em Santa Catarina e Dois Irmãos em Rio Grande do Sul.

Pulverizados pelas regiões sudeste e sul, os espanhóis chegaram em maior número que os italianos entre 1904 e 1913. No total, foram 700 mil espanhóis que poderiam ter ido para diversos outros países falantes de língua espanhol na América do Sul, mas escolheram nosso país para ser sua nova casa.

Não podemos esquecer dos portugueses, nossos principais colonizadores. Entre os séculos XIX e XX, eles vieram quase em mesma quantidade que os italianos. O estado do Rio de Janeiro foi um forte receptor, por ser o estado que tinha recebido a coroa portuguesa e tinha cultura mais semelhante.

Além de todas essas nacionalidades, ainda vieram coreanos, chineses, poloneses, suíços, sírios, libaneses, finlandeses, árabes, tchecos e tantos outros. Hoje em dia, atraímos ainda hermanos sul-americanos, como argentinos e bolivianos, e ainda nossos conhecidos europeus, como portugueses e espanhóis.

E que a mobilidade continue aumentando em meio ao cenário globalizado que vivemos, para que pessoas do mundo todo se tornam cada vez mais cidadãos globais.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s