O silêncio das ruas

Um minuto antes, as ruas estavam efervescidas. Tudo quanto é o tipo de gente querendo chegar a tudo quanto é tipo de lugar. A pressa e a empolgação dominavam. Poucas vezes vemos as ruas com tanta vida. O barulho vira música e contagia a todos.

Um minuto depois, a cidade parecia fantasma. Completamente vazia. Nenhuma pessoa para contar história. Parece que nada quer se mexer, nem mesmo as folhas das árvores com o vento da tarde. Qualquer gota caindo é como uma explosão em meio a tanto silêncio.

A vida toda que estava fora agora está dentro, esperando a hora de sair novamente. Todo o som, toda a festa agora se junta à aflição. É muita emoção em pouco espaço esperando explodir.

E quando explode… Quando explode parece que não há lugar no mundo para caber tanta felicidade. O silêncio das ruas é quebrado por corações batendo. Corações que, pouco depois, quase param e deixam as ruas em paz novamente.

Ao fim, muita coisa pode acontecer. Mas sabe-se que as ruas serão tomadas novamente. Ou com muita felicidade ou com tristeza. Mas as ruas estarão cheias mais uma vez. E esperando a próxima oportunidade de poder gritar gol.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s